Xiru Lautério "O PERSONAGEM MAIS BAGUAL DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS BRASILEIRAS"

24 de out de 2013

Xiru Lautério no Diário de Santa Maria

Foto: Caludio Vaz/ Agencia RBS









24/10/2013 | N° 11824

QUADRINHOS

Ele está de volta

Xiru Lautério, personagem criado por Byrata, embarca em nova aventura em HQ que será lançada neste sábado

Imagine se o Super-Homem não usasse capa e, sim, bombacha. Ou que o Homem Aranha, em vez de lançar suas teias pela parede, soubesse mesmo era como manejar um laço com primor. E se a principal qualidade do Hulk não fosse a força, mas a habilidade para se meter em encrencas? Apaixonado por quadrinhos e por histórias de super-heróis, o desenhista Jorge Lopes, o Byrata, 60 anos, não só imaginou, mas deu vida em papel e nanquim ao Xiru Lautério, herói gaúcho que surgiu nos anos 70. O personagem terá a sua sexta HQ, Xiru Lautério Tigre N’Água – Uma Aventura no Rio Jaguari, lançada neste sábado, das 16h às 19h, na Livraria Nobel, no Royal Plaza Shopping.

O índio gaudério, que é um cavaleiro exímio e um aventureiro de marca maior, tem feito fãs em diferentes países. Byrata já recebeu fotos de leitores com exemplares de suas HQs na Inglaterra, Itália, Eslováquia, Coreia do Sul, Peru, Estados Unidos e França.

Depois que Xiru Lautério enfrentou a morte, na revista lançada no ano passado, muitos poderiam pensar que suas aventuras não poderiam ser maiores. Mas, neste sábado, o cartunista vai mostrar que sua imaginação pode ir além. Em Xiru Lautério Tigre N’Água – Uma Aventura no Rio Jaguari, o personagem principal viaja pelos ares sustentado pelas asas de dezenas de corvos, bate de frente com um avião xavante, é socorrido por um pescado e, ainda, tenta domar uma tropa de cavalos descontrolada.

Nova história está dividida em dois episódios

A nova história é dividida em dois episódios. O primeiro, o Náufrago, é o que está sendo lançado agora, o segundo, O Ginete, ainda está na prancheta do autor.

Finalizada em 1993, com quadrinhos desenhados à mão, O Náufrago é uma continuação de Xiru Lautério Contra a Morte. A ideia de fazer o livro surgiu no ano passado, quando Byrata foi convidado para ser patrono da Feira do Livro de 2013 de Tupanciretã. O evento seria realizado em outubro mas foi adiado. Por isso, Byrata resolveu lançar a obra primeiro em Santa Maria.

– A história estava guardada e sujeita a se perder. Ela tinha sido feita em tiras grandes, finalizadas com nanquim. O papel já está amarelado mas o desenho está intacto graças ao nanquim – conta Byrata.

Como ocorre nas edições anteriores, a história não tem um desfecho, que fica para o próximo número. O que já é garantia de que mais aventuras vêm por aí. E lá se vão 35 anos desde que o Xiru Lautério teve a sua primeira história publicada em revista. Naquela época, Byrata reuniu material que havia sido publicado nos jornais O Semanário de Tupanciretã e Diário Serrano, de Cruz Alta.

– A história é bem importante porque mostra o Xiru em outra época, com outro traço. Para mim, ele tem o papel de recuperar parte da minha trajetória – diz Byrata, que desenha desde os 14 anos.

Mas de onde mesmo é que surgiu a ideia de criar um personagem como Xiru Lautério? Byrata conta que sempre sonhava em ver nos quadrinhos um personagem com traços da cultura gaúcha.

– Nasci e fui criado no interior de Tupanciretã. Me criei ouvindo causos. Eram histórias contadas de maneira muito criativa, nas rodas de fogo de galpão. Ficava imaginando aquelas histórias desenhadas. Por isso, criei o personagem, primeiro para os jornais e, depois, adaptado para as HQs – conta Byrata.
MARILICE DARONCO|MARILICE.DARONCO@DIARIOSM.COM.BR

MU

Nenhum comentário: